23 de Março de 2014 - 11h23

Felipe Fraga: vencedor mais jovem na história da Stock Car

Em dupla com o experiente Rodrigo Sperafico, piloto de 18 anos venceu em sua estreia na categoria
Duda Bairros/Vicar Duda Bairros/Vicar Duda Bairros/Vicar Duda Bairros/Vicar Duda Bairros/Vicar Duda Bairros/Vicar Duda Bairros/Vicar Duda Bairros/Vicar Duda Bairros/Vicar Duda Bairros/Vicar Fernanda Freixosa/Vicar Fernanda Freixosa/Vicar Fernanda Freixosa/Vicar Fernanda Freixosa/Vicar Fernanda Freixosa/Vicar Fernanda Freixosa/Vicar Fernanda Freixosa/Vicar Fernanda Freixosa/Vicar Fernanda Freixosa/Vicar Fernanda Freixosa/Vicar Fernanda Freixosa/Vicar Fernanda Freixosa/Vicar Fernanda Freixosa/Vicar
A dupla formada pelo estreante Felipe Fraga e o experiente Rodrigo Sperafico venceu a etapa de abertura da temporada 2014 do Circuito Schin na tarde deste domingo (23/03). A dupla Valdeno Brito/Jeroen Bleekemolen fica em segundo e Marcos Gomes/Mauro Giallombardo em terceiro.
 
A primeira prova na história da Stock Car com troca de pilotos teve outra marca importante: com 18 anos de idade, Fraga tornou-se o mais jovem piloto a vencer na mais importante categoria do automobilismo nacional.
 
Por conta da chuva, a largada foi realizada com Safety Car. No início da prova, um acidente forte entre Rubens Barrichello e Denis Navarro, no S, tirou Max Wilson, Vitor Genz e o piloto do carro #5 da corrida. Entre belas disputas e ultrapassagens, Fraga se manteve na briga com os ponteiros, e assumiu dianteira quando foram abertos os boxes para a troca de pilotos, que aconteceu entre as voltas 13 e 16.
 
“Achei a experiência muito boa, terminar no pódio dá um motivo para ficar feliz. Gostei muito da categoria, é muito profissional, e principalmente de pilotar este tipo de carro, levá-lo ao limite. Você pode comparar bastante a categoria com a DTM. O final de semana foi muito bom. Na corrida, quando o Valdeno me entregou o carro, foi num ótimo momento. Percebi que na chuva o carro estava melhor, tentei acompanhar os líderes e não consegui. Mas só de estar aqui já estou feliz”, destaca Bleekemolen.
 
Marcos Gomes considera o resultado satisfatório.  "Quando não dá para vencer, chegar ao pódio é ótimo.  Mantivemos um bom ritmo e escolhemos a ótima estratégia de parar bem no final da janela de trocas para eu poder andar mais e abrir uma maior diferença nos ponteiros. A equipe fez um ótimo pit stop, conseguimos ganhar duas posições nos boxes. Depois o Mauro pegou o carro e também fez um ótimo trabalho, foi bem constante e conseguiu segurar a terceira posição, que para nós será muito importante no campeonato”, analisa o filho de Paulo Gomes, pentacampeão da categoria.

Mauro Giallombardo ressaltou a felicidade. "Estou muito feliz. Correr nesta categoria tão competitiva e profissional, com pilotos de alto nível. A corrida foi impressionante, o nível internacional muito alto. Me sinto feliz com o resultado, de ter feito o melhor trabalho. Quero agradecer a equipe pelo trabalho tão rápido nos boxes. Claro que a chuva atrapalhou um pouco, mas muito satisfeito com o resultado”, finaliza o argentino.

Veja o resultado da primeira etapa da temporada:
1. Felipe Fraga/Rodrigo Sperafico, a 00:52:56.982
2. Valdeno Brito/Jeroen Bleekemolen, a 00:53:02.885
3. Marcos Gomes/Mauro Giallombardo, a 00:53:07.786
4. Sergio Jimenez/Mark Winterbottom, a 00:53:08.041
5. Daniel Serra/Alessandro Pier Guidi, a 00:53:14.931
6. Átila Abreu/Nelson Piquet Jr, a 00:53:15.692
7. Cacá Bueno/Juan Manuel Silva, a 00:53:15.917
8. Tuka Rocha/Craig Dolby, a 00:53:19.071
9. Rubens Barrichello/Augusto Farfus, a 00:53:22.256
10. Popó Bueno/Gabriel Ponce de Léon, a 00:53:24.914
11. Julio Campos/Fabio Carbone, a 00:53:29.081
12. Galid Osman/Cesar Ramos, a 00:53:33.148
13. Nonô Figueiredo/Miguel Molina, a 00:53:34.053
14. Ricardo Mauricio/Oswaldo Negri, a 00:53:35.757
15. Bia Figueiredo/Duda Pamplona, a 00:53:47.152
16. Luciano Burti/Ricardo Rosset, a 00:53:52.421
17. Raphael Matos/Felipe Maluhy, a 00:53:57.304
18. Felipe Lapenna/Chico Serra, a 00:53:57.901
19. Gabriel Casagrande/Enrique Bernoldi, a 00:53:58.540
20. Lucas Foresti/Antonio Jorge Neto, a 00:53:58.575
21. Antonio Pizzonia/Bruno Senna, a 00:54:01.518
22. Felipe Tozzo/Claudio Ricci, a 00:54:03.922
23. Fabio Fogaça/David Muffato, a 00:54:07.804
24. Ricardo Zonta/Diego Aventin, a 00:54:08.547
25. Rafael Suzuki/Giuliano Losacco, a 00:54:15.520
26. Diego Nunes/Jaime Melo, a 00:39:55.503
27. Beto Cavaleiro/Fabio Carreira, a 00:35:25.941
28. Vitor Genz/Vitor Meira, a 00:13:12.521
29. Denis Navarro/Alvaro Parente, a 00:10:03.937
30. Max Wilson/Dean Canto, a 00:10:08.173
31. Allam Khodair/Bruno Junqueira, a 00:10:09.443
32. Alceu FeldmannRoberto Merhi, a 00:08:12.980
33. Thiago Camilo/Lucas Di Grassi abandonaram
Venda de ticket

Compre já seu ingresso
para a próxima etapa!

Clique aqui e
garanta o seu.
x