1 de Junho de 2014 - 12h49

Thiago Camilo vence de ponta a ponta segunda corrida

Rubens Barrichello fica em segundo e Julio Campos completa o pódio
Thiago Camilo vence de ponta a ponta segunda corrida Duda Bairros / Vicar
Thiago Camilo largou na pole e dominou a segunda corrida deste domingo (1), em Goiânia-GO. O dono do carro #21 completou as 16 voltas em 22min45s810. Rubens Barrichello ficou em segundo e Julio Campos completou o pódio.

Assim como já tinha acontecido na etapa anterior, em Brasília - DF,  Thiago  conquistou o décimo lugar na última volta da primeira corrida.  Como no grid da prova 2 inverte a posição dos dez primeiros da corrida anterior, o piloto largou na frente.

“Parti da 16ª posição no grid, fiz uma boa largada, mas na primeira curva fui tocado, e o carro voltou desalinhado para o fim do pelotão, na 26ª posição. Fui passando vários carros e a equipe optou por fazer um pit stop longo, botando combustível suficiente para completar a segunda corrida. Não achei que seria possível alcançar a décima posição, mas quando cheguei na Bia Figueiredo estava mais rápido, pois havia trocado três pneus. Na segunda corrida, resisti ao ataque do Rubinho (Barrichello) na largada e depois controlei bem, o carro estava ótimo e eu tinha salvado nove dos 15 usos do botão de ultrapassagem”, disse Camilo, que com o 10º e o 1º lugares, foi o piloto que mais marcou pontos em Goiânia, 26.

Já Rubens Barrichello largou na segunda posição e manteve essa colocação até o final. Foi o segundo piloto que mais somou pontos nas duas provas, 25 no total.
 
“Fizemos as estratégias corretas. Optamos por uma parada mais longa na primeira prova, priorizando a próxima. No início da prova, tentei ir para cima do Thiago, mas o carro não tinha o ritmo necessário para brigar, e como começou a desgastar muito o pneu, salvamos equipamento para concluirmos no pódio. Foi um final de semana super positivo, e fazer a sambadinha no pódio é sempre demais”, comenta Barrichello.

Julio Campos largou na oitava posição e conseguiu alcançar os primeiros, menos Thiago Camilo e Rubens Barrichello. As disputas passaram a ser com Luciano Burti, com quem trocou de posição duas vezes nas últimas duas voltas. "Esse furo nos custou uns quatro ou cinco pontos que podem fazer diferença lá na frente, mas o importante é que ainda assim fizemos uma boa pontuação. A equipe está muito consistente e fez um ótimo trabalho. Pensando no campeonato, foi um bom resultado que nos dá mais força para irmos para cima nas próximas etapas", concluiu Campos.


Resultado da corrida 2 deste domingo (1), em Goiânia:

1. Thiago Camilo (Ipiranga-RCM) – 16 voltas em 22min45s810           
2. Rubens Barrichello (Full Time Competições) – a 3.989
3. Julio Campos (Prati-Mico's Racing) –a 14.512
4. Luciano Burti (Vogel Motorsport) – a 15.017
5. Valdeno Brito (Shell Racing) -  a 16.924
6. Sergio Jimenez (Voxx Racing Team) – a 17.573
7. Antonio Pizzonia (Prati-Mico's Racing) – a 17.827
8. Cacá Bueno            (Red Bull Racing) – a 22.108
9. Vitor Genz  (Boettger Competições) – a 26.709
10. Max Wilson (Eurofarma RC)  - a 30.654
11. Alceu Feldmann  (Hanier Racing) – a 31.923
12. Felipe Tozzo (Boettger Competições) - 35.443
13. Fabio Fogaça (Schin Racing Team) – a 35.918
14. Lucas Foresti (RC3 Bassani) – a 37.313
15. Felipe Lapenna (Hot Car Competições)           - a 37.951
16. Ricardo Mauricio (Eurofarma RC) – a 53.432
17. Allam Khodair (Full Time Competições) - 58.025
18. Diego Nunes (C2 Team)             - a 1:00.290
19. Felipe Fraga (Vogel Motorsport) – a 1:00.798
20. Denis Navarro (Voxx Racing Team) – a 1:01.435
21. Beto Cavaleiro (Hanier Racing) – a 1:05.671
22. Átila Abreu (Mobil Super Racing)  a 1 volta
23. Bia Figueiredo (ProGP) – a 1 volta
24. Gabriel Casagrande (C2 Team)            - a 4 voltas
25. Ricardo Zonta (RZ Motorsport) - a 6 voltas
26. Galid Osman (Ipiranga-RCM) - a 8 voltas
27. Marcos Gomes (Schin Racing Team) – 10 voltas
 
Não completaram 75% da prova:
Raphael Matos (Hot Car Competições)      
Daniel Serra (Red Bull Racing)       
Tuka Rocha (RZ Motorsport)          
Popó Bueno (Shell Racing) 
Nonô Figueiredo (Mobil Super Racing)     
Rafael Suzuki (ProGP)        


Em breve mais informações.            
Venda de ticket

Compre já seu ingresso
para a próxima etapa!

Clique aqui e
garanta o seu.
x