17 de Novembro de 2016 - 17h57

Jimenez e Xandinho estão ansiosos para acelerar no inédito Circuito dos Cristais

Pista localizada em Curvelo fará sua estreia no circo da categoria. Equipe Cavaleiro Sports pretende buscar bons resultados
Jimenez e Xandinho estão ansiosos para acelerar no inédito Circuito dos Cristais Foto: Duda Bairros/Vicar

A penúltima etapa da temporada 2016 da Stock Car reserva fortes emoções aos fãs e apaixonados por velocidade. Isso porque a principal categoria do automobilismo nacional desembarca em Curvelo (MG) neste fim de semana (dias 19 e 20) para a realização da 11ª etapa. É a primeira vez na história que a Stock Car estará em solo mineiro e a disputa será em um circuito novo e desconhecido, de 4,4 km de extensão e 18 curvas, somado a isso, a vontade de todo o grid em ser o ‘primeiro vencedor’ na pista mineira. Todos esses ingredientes são ótimos temperos para uma disputa pra lá de eletrizante.

O paulista Sérgio Jimenez, da Cavaleiro Sports, destacou a importância de ter uma nova pista para o automobilismo brasileiro. "É excelente termos essa nova pista. Perdemos Jacarepaguá, o que foi um pecado. Quase perdemos Curitiba, então entrar uma pista nova no circuito é sempre motivador e só mostra que o automobilismo tem muito espaço e que temos muitos apaixonados pelo esporte", salientou o piloto do Stock #73.

Jimenez relata qual sua expectativa para a penúltima etapa da temporada "Expectativa de uma pista nova é sempre legal. Pelo que pude ver em vídeo, me parece que a pista ficou muito bacana e é longa, travada e de baixa velocidade. Sei que muitos pilotos foram treinar lá para conhecer. Eu não fui, então será um desafio a mais. Acho que nos últimos anos, devido a ter conhecido tanta pista diferente, acredito que rapidamente dá pra ter o reconhecimento do traçado", enfatizou o paulista que está em 17º no campeonato, com 101 pontos.

Xandinho Negrão acredita que por ser uma pista nova para todos, há uma grande chance de nivelar as disputas. Ele espera fazer uma rápida adaptação, junto com a equipe, para buscar bons resultados. "A tendência, quando se tem uma pista nova, é equalizar forças. Muitos pilotos já estiveram lá treinando, eu e a equipe não tivemos esta oportunidade, mas espero que a gente consiga encontrar um acerto bom rapidamente, pra fazer um bom trabalho e buscar resultados melhores", considerou o piloto de Campinas.

Venda de ticket

Compre já seu ingresso
para a próxima etapa!

Clique aqui e
garanta o seu.
x