Pilotos

HERO Motorsport testará piloto estrangeiro

Jovem e veloz português António Félix da Costa disputará penúltima etapa em um dos grids mais qualificados do mundo

A equipe HERO Motorsport anunciou nesta segunda-feira (6/11) que testará o jovem português António Félix da Costa na rodada dupla de Goiânia da Stock Car, marcada para o próximo dia 19 e válida pela 11ª etapa da temporada. A oportunidade dada ao piloto de 26 anos, que em 2017 competiu na Fórmula E e no prestigioso Campeonato Alemão de Turismo (DTM) em equipes oficiais da BMW, visa definir quem defenderá o time na temporada 2018 do Campeonato Brasileiro.

Segundo os planos da HERO Motorsport, outro teste pode ser realizado com mais um piloto na etapa final da temporada, no dia 10 de dezembro, em Interlagos. “Ficamos felizes em anunciar esse teste com um profissional da qualidade do António Félix da Costa”, disse Newton Machado, da equipe HERO Motorsport. “Mas é certo que ele terá um grande desafio, pois o grid da Stock Car é um dos mais qualificados e difíceis do mundo, como atestam todos os pilotos que já competiram na categoria – inclusive vários estrangeiros. Sabemos que estamos propondo um dos mais difíceis desafios da carreira do António”, completou Machado.

Reconhecimento e potencial – António Felix da Costa é um piloto de talento e potencial reconhecidos no âmbito do automobilismo mundial, como provam sua inclusão em testes de jovens talentos realizados pelas equipes de Fórmula 1 Force Índia (2010) e Red Bull (2012 e 2013). Confirmando a aposta, foi contratado como piloto reserva e de testes da Red Bull nas temporadas de 2012 a 2014. Além disso, suas duas vitórias no Grande Prêmio de Macau de Fórmula 3 – reconhecida pela FIA como campeonato mundial da modalidade – tornaram o jovem piloto de Cascais, nas cercanias da capital Lisboa, um dos principais heróis recentes do automobilismo português. A primeira vitória de Félix da Costa em Macau foi registrada em 2012, mas em 2016 ele voltou a vencer, tornando-se o atual campeão dessa icônica corrida anual – que se destaca nos currículos de nomes como Ayrton Senna (1983) e Michael Schumacher (1990).

O piloto português vê seu retorno à categoria como um desafio pessoal: “Para mim está claro que a Stock é uma das mais disputadas categorias do mundo. O nível é muito alto”, ressaltou o português. “E qualquer piloto quer ser comparado ou testado com grandes competidores. É isso o que vou encontrar em Goiânia. Já conheço a equipe técnica da HERO Motorsport. Então, sei que terei boas condições nessa briga pela vaga em 2018”, comentou Félix da Costa.

O novo contratado da HERO Motorsport participou das edições 2015 (Goiânia) e 2016 (Curitiba) da Corrida das Estrelas, prova especial da Stock Car. Disputada em duplas formadas por pilotos oficiais da categoria que convidam grandes nomes internacionais para compor uma parceria, a edição de 2015 viu Félix da Costa estrear em um duo com o paulista Allam Khodair.

Nessa primeira experiência, a dupla já conquistou um terceiro lugar (pódio) e, no ano passado, disputou a vitória até o final com os primeiros colocados Marcos Gomes e Antônio Pizzonia. O segundo lugar da dupla foi obtido com uma ultrapassagem sensacional do português sobre o paulista Guilherme Salas – e foi destacado como um dos pontos altos da prova. A briga dos dois, no entanto, permitiu que a dupla Gomes/Pizzonia abrisse uma vantagem irrecuperável. Mesmo assim, depois de mais de uma hora de corrida, o português cruzou a linha de chegada a apenas 1s398 de diferença.


António Félix da Costa
Equipe: HERO Motorsport
Idade: 26 anos (31/08/1991)
Nascimento: Cascais, Portugal
Destaque: bicampeão mundial de F-3 (2012 e 2016)
Experiência na Stock Car: 3º lugar (Goiânia, 2015) e 2º lugar (Curitiba, 2016)

Carreira:

2006 – Vice-campeão mundial de kart
Campeão Português de kart
Campeão do Portugal Karting Open

2009 – Campeão Norte Europeu de F-Renault

2010 – Teste na equipe Force Índia de F-1
Rookie of the Year na F-3 Euroseries

2012 – Campeão Mundial de F-3 (GP de Macau)
Teste na equipe Red Bull de F-1
3º colocado na GP3 Series
4º na World Series by Renault

2013 – Vice-campeão mundial de F-3 (CP de Macau)
Piloto reserva e de testes da Red Bull na F-1
3º na World Series by Renault

2014 – Piloto reserva e de testes da Red Bull na F-1
Piloto oficial da BMW no DTM
2015 – Piloto reserva e de testes da Red Bull na F-1
3º colocado na Corrida das Estrelas da Stock Car

2016 – Bicampeão Mundial de F-3 (GP de Macau)
Piloto oficial BMW no DTM
Piloto oficial BMW na F-e
Vice-campeão da Corrida das Estrelas da Stock Car